Psyquiatry online Brazil
polbr
Volume 22 - Novembro de 2017
Editor: Giovanni Torello

 

Dezembro de 2013 - Vol.18 - Nº 12

COLUNA PSIQUIATRIA CONTEMPORÂNEA

A FESTA LITERÁRIA PERNAMBUCANA – FLIPORTO 2013

Fernando Portela Câmara


Nos dias 14 a 17 de novembro aconteceu a Fliporto, a Festa Literária Internacional de Pernambuco, na Praça do Carmo, Olinda, um local histórico, amplo, aprazível e de grande beleza. O evento difere da Flip porque inclui um Congresso Literário Internacional e, como não poderia deixar de ser, um festival de cordel. O evento literário é atualmente o maior do país, pois recebe um público de mais de 60 mil pessoas. Além disso, a participação popular é intensa e as crianças são maioria, participando de muitos eventos e brincadeiras especialmente preparados para elas. 

A Fliporto existe desde 2005 e tem esse nome porque inicialmente foi em Porto de Galinhas, cidade praiana turística muito frequentada, e mais recentemente se transferiu para Olinda. Não se paga entrada na Fliporto, exige-se apenas um cadastramento para participar dos eventos que cobrem áreas como literatura em geral e voltada para tecnologia, ecologia, cinema etc., bem como literatura de cordel e literatura para crianças e adolescentes. Havia também um cinema com palestras e filmes bastante frequentado.

O tema foi a cultura como um jogo, e os escritores e platéia interagiam como em um jogo, especialmente o público de literatura infantil, uma estratégia pedagógica que surtiu um efeito além do desejado.

O evento foi realizado na Praça do Carmo, que fica no centro histórico de Olinda, onde a cultura popular está permanentemente presente. Aos domingos sempre há ensaios de maracatus e estes descem as ladeiras arrastando pessoas. Os poetas locais estão sempre por ali, próximos às praças e botecos, espalhando seus folhetos e declamando suas poesias. As igrejas seculares estão sempre abertas, com sua arte sacra criada por artistas locais. Sem falar no clima aprazível e benfazejo daquela terra que é historicamente o berço da nossa nacionalidade.

Documentamos a seguir os aspectos da Fliporto mostrando a grande festa popular e cultural que foi esse evento, para que as imagens de uma ideia do movimento, colorido e intensidade humana que caracterizou a festa literária.

Entrada da Fliporto

 

A participação popular foi intensa

Description: D:\Família\FLIPORTO 2013\IMG_4813.JPG

Description: D:\Família\FLIPORTO 2013\IMG_4829.JPG

 

Em muitos locais havia palestras e escritores com numerosas platéias. Repentistas estavam sempre presentes pontuando tais eventos.

 

Description: D:\Família\FLIPORTO 2013\IMG_4822.JPG

Description: D:\Família\FLIPORTO 2013\IMG_4819.JPG

Description: D:\Família\FLIPORTO 2013\IMG_4821.JPG

Description: D:\Família\FLIPORTO 2013\IMG_4820.JPG

Description: D:\Família\FLIPORTO 2013\IMG_4817.JPG

Description: D:\Família\FLIPORTO 2013\IMG_4815.JPG

Description: D:\Família\FLIPORTO 2013\IMG_4812.JPG

 

 

 

 

As crianças tiveram expressiva participação, despertando interesses e vocações. Os colégios de Olinda e recife selecionam os autores mais lidos durante o ano escolar e então convidam os autores para a feira. Lá as crianças têm oportunidade de dialogar com eles e participar de oficinas literárias. Uma grande iniciativa educacional.

Abaixo um das árvores literárias para as crianças. Nas árvores há livros que elas escolhem e sempre há alguém para ler com elas e contar histórias.

Description: D:\Família\FLIPORTO 2013\IMG_4830.JPG

 

 

 

 

A cultura e a história da cidade mesclavam-se com a Fliporto criando uma arte viva e magnífica. Note na foto abaixo o coreto, onde os cordelistas disputavam entre si a cúpula de uma igreja histórica, e, entre eles, um galpão onde acontecia o cinema da Fliporto.

Description: D:\Família\FLIPORTO 2013\IMG_4811.JPG

 

Por toda parte a beleza dos casarões de Olinda e seus detalhes…

Description: D:\Família\FLIPORTO 2013\IMG_4804.JPG

 

As igrejas seculares e a arte sacra popular formam uma harmonia única…

Description: D:\Família\FLIPORTO 2013\IMG_4802.JPG

 

 

O lago da Praça do Carmo, carregado de vitórias régias, une as várias partes da Fliporto, e à noite abrem-se belas e perfumadas flores brancas dando um aspecto mágico ao local…

Description: D:\Família\FLIPORTO 2013\IMG_4818.JPG

Dobra-se uma esquina e surge um maracatu com seu ritmo hipnótico e as pessoas entram em transe…

Description: D:\Família\FLIPORTO 2013\IMG_4836.JPG

E dobra-se outra esquina e encontram-se poetas, como o Barão de Olinda…

Description: D:\Família\FLIPORTO 2013\IMG_4842.JPG

 

 

 

 

 

 

Figuras populares enchem de cores a feira, como o vendedor de algodão doce, figura popular de Pernambuco, uma marca registrada da cultura local, como o vendedor de pitombas nas feiras…

Description: D:\Família\FLIPORTO 2013\IMG_4828.JPG

 

 

 

 

 

E assim vive a Praça do Carmo, um a praça autêntica do povo, da cultura e que mantém viva a brasilidade.

Description: D:\Família\FLIPORTO 2013\IMG_4827.JPG


TOP