Volume 11 - Março de 2006
Editor: Giovanni Torello

 

Junho de 2002 - Vol.7 - Nº 6

Psicanálise em debate

 

EM TEMPOS DE COPA DO MUNDO – Sublimação e identificação na prática do esporte

Dr. Sérgio Telles
Psicanalista do Departamento de Psicanálise de Instituto Sedes Sapientiae
e escritor, autor de MERGULHADOR DE ACAPULCO (1992 – Imago – Rio)

Eros e Tânatos, as duas grandes forças ou pulsões que comandam nossas vidas, manifestam-se como Amor e Ódio, com suas ricas pontencialidades construtivas e destrutivas.

Os processos de crescimento, desenvolvimento e amadurecimento – em que pese o viés biologizante implícito nesta formulação – consistem no progressivo domínio destas duas forças, no saber lidar com elas tanto interna como externamente, no manipulá-las dentro de referenciais realísticos, já distantes daqueles regidos pelo desejo e fantasia infantis, que, não obstante, estão indelevelmente registrados no inconsciente e permanentemente passíveis de inoportuna e extemporânea atualização.

Na verdade, esse é um trabalho de Síssifo, sempre recomeçado, pois as formas infantis de funcionamento mental sempre estarão presentes e sempre se oporão à forma adulta e racional.

O texto completo encontra-se no livro: "Visita às casas de Freud e outras viagens" - Casa do Psicólogo, 2006.


TOP